Resenha | Só por uma noite

Resenha | Só por uma noite

Tudo começou com uma garrafa barata de tequila. Eu não pude evitar. – Sam, em Só por uma noite.

Só por uma noite, um livro escrito por Monique e Mônica Sperandio e da Editora Novo Conceito, é a história do ponto de vista de Samanta Calliari, carinhosamente chamada de Sam, em uma aventura junto com suas melhores amigas onde devem cumprir uma lista de desafios que irá mudar suas vidas para sempre. Samanta viveu sua vida inteira com medo, se privando de sentimentos, até mesmo de sua paixão secreta por seu melhor amigo Gustavo. E não apenas ela, mas suas amigas Nat, Marina e Daphne também possuem medos que serão desvendados ao longo de um livro que te prende com histórias e momentos de tensão, te levando para dentro da narrativa criada pelas irmãs Sperandio.

A história tem uma grande pegada teen. As adolescentes retratadas no livro acabaram de se formar no ensino médio e anseiam por uma nova vida, sem fronteiras e sem medos. O desejo de vários jovens hoje em dia. E isto faz com que a leitura acabe sendo específica para um determinado nicho. A linguagem utilizada, a forma de interação entre as personagens, os detalhes e pensamento de cada uma remetem muito bem as jovens (e os jovens) da geração Z. Isto de forma alguma torna a história ruim, mas para aqueles que estão acostumados com uma leitura mais fechada e com termos mais comuns podem acabar de incomodando um pouco. Por outro lado, os detalhes e sentimentos de cada personagem são retratados muito bem, fazendo com que o leitor sinta os mesmos sentimentos de angustia, raiva, medo que, por exemplo, Samanta sente.

É curioso como a estrutura da história criada por Monique e Mônica fazem com que o leitor entenda perfeitamente o que está acontecendo, e com uma boa imaginação faça com que seja possível enxergar como um episódio de uma série teen os acontecimentos de Só por uma Noite. Seu único problema são os clichês óbvios que acontecem ao longo do livro, que são facilmente desvendados e quebrando o fator surpresa. Ainda sim, a leitura é agradável se você procura uma história rápida e despretensiosa com um “quê” de romance.

Se você gostou do livro, pode conseguir ele entrando no site da Editora Novas Páginas.