Meu pai, meu herói

Meu pai, meu herói

Lembro de uma postagem sobre o dia das mães que foi lançada a anos atrás aqui e foi perdida com a nova atualização do site graças a obras do tinhoso eu. Mesmo assim, todos sabemos da importância da nossa figura paterna mais próxima, independente de orientação sexual.

O herói que existe em cada Luiz, Francisco, Antonio, Galocha, entre outros tantos nomes é que são responsáveis por cuidar de nós, nos educar e para alguns, a pessoa que nos deu nosso primeiro gibi, levou para assistir nosso primeiro filme nerd ou simplesmente te ensinar a não seguir o lado negro da força, tentando fugir da cartilha tradicional de “como ser pai” com ensinamentos de como nos fazer andar de bicicleta ou indicando algum time de coração para torcermos desde criança.

Esses ídolos podem não possuir poder algum (e nós sabemos desde crianças), mas o que realmente importa é cada aprendizado que conquistamos ao lado dos nossos heróis pessoais. Com isso, nada mais justo do que citar ao menos os melhores (que eu me lembre ou piores dependendo do ponto de vista) pais da cultura pop.

Obrigado por tudo pai 😀

 

1 – PAPAI VADER

darth-vader Partindo do pressuposto de que você não conhece a figura (e sério, você é um ser humano errado se nunca ao menos ouviu falar dele), Darth Vader (ou Anakin Skywalker e não reclame de spoilers) é o antagonista da série Star Wars conhecido pela icônica frase “I’m your father” e sua armadura negra, o lord negro não possui uma relação muito amigável com seu filho Luke. Entenda “relação não muito amigável” por cortar a mão do filho tentando leva lo para o lado negro da força. Super normal.

O artista Jeffrey Brown até produziu histórias em quadrinhos sobre o relacionamento entre Vader e seus filhos. E se você não sabe quem são os filhos de Darth Vader, ainda é um padawan. 😀

Abaixo algumas imagens sobre a HQ excepcional a qualquer pai nerd. Ou não também.

2 – PAPAI COMEDIANTE

Escrita por Alan Moore e ilustrada por Dave Gibbons em 1986, Watchmen fincou sua bandeira como marco nas histórias de quadrinhos. Distribuída pela DC comics em 12 edições, a HQ trouxe personacomediantegens diferentes do que já estávamos acostumados com a editora com uma frase-proposta: “Quem vigia os vigilantes”.

A história de Edward Blake mostra um herói que utiliza o humor e ironia como refúgio pessoal na luta contra o crime. O que não o torna um exemplo de pai é o fato de ter tentado violentar uma colega de equipe, mas apesar disso carrega uma amor imenso pela sua filha Laurie (Espectral), mesmo que ela não saiba sua paternidade.

 

3 – PAPAI JACK TORRANCE (O ILUMINADO)

jack-torranceAh Jack Nicholson, seus filmes interpretando algum louco me fascinam.

Jack Torrance é um projeto de escritor alcoólatra que após perder seu emprego como professor (e quebrar o braço de seu filho após chegar bêbado) decide pegar sua família e isolar se em um hotel na casa do caralho distante de tudo afim de repassar a confiança do “bom pai” a todos. O problema continua quando descobrem que o hotel possui espíritos antigos de crianças mortas no lugar.

A partir disso, o papai Torrance começa a ficar louco e tenta matar sua família. Prêmio pai do ano.

 

4 – PAPAI WAYNE BATMAN

damian wayne

Damian Wayne é o quinto Robin no universo Batman (nota do autor: fazer uma postagem sobre todos os robins). Filho de Talia Al Ghul, filha do inimigo mortal Ra’s Al Ghul e Bruce Wayne, nosso querido cavaleiro das trevas.

Damian cresceu sendo treinado pelo seu avô e a Liga dos Assassinos, conhecendo seu pai já crescido (8 anos), assumindo o manto de Robin por um tempo ao lado de Dick Grayson (na época atual Batman), o jovem brigão e boca dura cultivou um ódio pelo seu pai por conta da mãe, gerando uma caralhada de problemas pelo seu instinto porradeiro de vigilante.

 

5- PAPAI MUFASA

rei-leaoNão importa o que apareça na cultura pop, Rei Leão sempre estará no topo da minha lista pessoal.

Mufasa segue como rei de seu bando, invejado pelo irmão cusão Scar. Apesar de todo seu poder, o soberano nunca deixou sua humildade de lado, tentando o máximo repassar as lições da vida a seu filho Simba. As brincadeiras, ensinamentos e por último seu sacrifício pelo filho mostram o quanto Mufasa destaca se como maior pai da história e que Rei Leão é a melhor obra do cinema, pra mim. Há olhos nas minhas lágrimas já!

 

6 – PAPAI ALFRED

alfredA história de Bruce Wayne todos já conhecem: jovem rico que na saída do teatro teve seus pais assassinados. A partir desse momento em sua vida, o pequeno Batman ganhou Alfred Pennyworth como figura paterna, o criando para se tornar uma pessoa melhor todos os dias.

Ao assumir o manto de protetor de Gotham City, Alfred passa de mordomo e pai de Bruce para um ajudante em suas noites contra o crime, incentivando o personagem e colaborando para resolver soluções impossíveis.

Além de Batman, Alfred ainda auxilia outros heróis derivados em muitos arcos dos quadrinhos, como os Robin’s e Superman.

 

7 – PAPAI GUIDO OREFICE (A vida é bela)

La vita è bella (A vida é bela no Brasil) ta vida é belaraz o cinema italiano de 1997 à tona de uma forma tão simplória quanto a obra, dirigida e protagonizada por Roberto Benigni.

O longa conta a história do judeu Guido Orefice e seu filho Giosué, que são enviados para o campo de concentração. Afim de não passar a face do horror que estavam envolvidos na época, Guido diz ao seu filho que ambos estão participando de um jogo e que àquele que fizer mais pontos irá ganhar um tanque militar ao final.

A emoção do drama mostra até onde um pai vai para manter o bem estar de seu filho e salvá lo de toda crueldade da guerra.

 

Além dos citados, existem mais uma caralha de outros pais e figuras paternas por aí, indo do Dr. Victor Frankenstein ao Superman.

E você, conhece algum pai não citado?