James Gunn é demitido de Guardiões da Galáxia Vol. 3 por causa de tweets

O diretor James Gunn foi demitido de Guardiões da Galáxia Vol. 3. pela Disney. O comunicado veio após a divulgação de tweets antigos de meados de 2008 fazendo piadas com pedofilia e estupro.

Alan Horn, diretor da Walt Disney Studios e “apaga fogo” nas horas vagas disse em comunicado oficial: “As atitudes e declarações ofensivas descobertas no Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com nossos valores, e danificaram nossa relação com ele“.

Depois das acuações Gunn fez uma série de twittes comentando sobre o ocorrido, informando que mudou e pediu desculpas pelas piadas – Leia a tradução feita pelo Omelete

A Marvel ainda não se manifestou de forma oficial sobre o afastamento ou sobre quem vai tocar o projeto. O que sabemos é que o roteiro do terceiro filme dos Guardiões foi finalizado pelo próprio Gunn e que o início das filmagens se mantem para o final desse ano.

James Gunn era esperado em um painel da San Diego Comic-Con nessa sexta dia 20 e era muito provável que ele confirmaria que irá adaptar para o cinema o mangá de Berserk, mas o painel foi cancelado por conta das polemicas.